Domingo, 18 de Fevereiro de 2007

Boa noite

sinto-me:

TS às 16:26
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 9 de Fevereiro de 2007

Quando voce nao esta olhando

Essa é uma mensagem que todos os pais deveriam ler, porque seus filhos estão olhando você e memorizando mais o que você faz, do que o que você diz.

Quando você pensava que eu não estava olhando, eu vi você pegar o primeiro desenho que fiz e prendê-lo na geladeira, e, imediatamente, eu tive vontade de fazer outro para você.
Quando você pensava que eu não estava olhando, eu vi você dando comida a um gato de rua, e eu aprendi que é legal tratar bem os animais.
Quando você pensava que eu não estava olhando, eu vi você fazer meu bolo favorito para mim e eu aprendi que as coisas pequenas podem ser as mais especiais na nossa vida.
Quando você pensava que eu não estava olhando, ouvi você fazendo uma oração, e eu aprendi que existe um Deus com quem eu posso sempre falar e em Quem eu posso sempre confiar.
Quando você pensava que eu não estava olhando, eu vi você fazendo comida e levando para uma amiga que estava doente, e eu aprendi que todos nós temos que ajudar e tomar conta uns dos outros.
Quando você pensava que eu não estava olhando, eu vi você dando seu tempo e seu dinheiro para ajudar as pessoas mais necessitadas e eu aprendi que aqueles que têm alguma coisa devem ajudar quem nada tem.
Quando você pensava que eu não estava olhando, eu senti você me dando um beijo de boa noite e me senti amado e seguro.
Quando você pensava que eu não estava olhando, eu vi você tomando conta da nossa casa e de todos nós, e eu aprendi que nós temos que cuidar com carinho daquilo que temos e das pessoas que gostamos.
Quando você pensava que eu não estava olhando, eu vi como você cumpria com todas as suas responsabilidades, mesmo quando não estava se sentindo bem, e eu aprendi que tinha que ser responsável quando eu crescesse.
Quando você pensava que eu não estava olhando, eu vi lágrimas nos seus olhos, e eu aprendi que, às vezes, acontecem coisas que nos machucam, mas que não tem nenhum problema a gente chorar.
Quando você pensava que eu não estava olhando, eu vi que você estava preocupada e eu quis fazer o melhor de mim para ser o que quisesse.
Quando você pensava que eu não estava olhando foi quando, eu aprendi a maior parte das lições de vida que eu precisava para ser uma pessoa boa e produtiva quando eu crescesse.
Quando você pensava que eu não estava olhando, eu olhava para você e queria te dizer:
- Obrigado por todas as coisas que eu vi e aprendi quando você pensava que eu não estava olhando!
Se você conhece a autoria desta reflexão, por favor envie-me por e-mail para que eu possa dar crédito à mesma.
Preciosa contribuição da amiga Elise Muller
sinto-me:

TS às 09:44
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 3 de Fevereiro de 2007

Porque..

sinto-me:

TS às 10:00
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 30 de Janeiro de 2007

O Sol

sinto-me:

TS às 10:00
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 29 de Janeiro de 2007

Olhos Abertos

sinto-me:

TS às 11:00
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 15 de Janeiro de 2007

Laço

 

O LAÇO E O ABRAÇO
 

 

 

 

 
 

Meu Deus!!! Como é engraçado!...

Nunca tinha reparado como é curioso um laço...

Um fita dando voltas que se enrosca...
Mas não se embola.
Vira, revira, circula e pronto:
Está dado o laço.

Assim como um abraço:
Coração com coração.

Tudo isso cercado de muito braço.

É assim que é o laço:
Um abraço no presente...
No cabelo...
No vestido...
Em qualquer coisa que faço.

E quando puxo uma ponta,
O que é que acontece?

Vai escorregando... devagarzinho... Desmancha... desfaz o abraço.

Solta o presente, o cabelo...
E na fita que curioso,
Não faltou nenhum pedaço.

Ah! Então é assim o amor, a amizade.
Tudo o que é sentimento?
Como um pedaço de fita?

Enrosca, segura um pouquinho,
Mas pode desfazer a qualquer hora, Deixando livre as duas pontas do laço.

Por isso é que se diz:
Laço afetivo, laço de amizade...

E quando alguém briga, então se diz: Romperam-se os laços...

Assim é o amor...
Não prende, não escraviza,
Não aperta, não sufoca.
Porque quando vira nó,
Já deixou de ser laço.

(Autoria:Maria Beatriz
Marinho dos Anjos )

 
 

 
 

 
 


 

sinto-me: è mesmo assim

TS às 09:00
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 14 de Janeiro de 2007

Que

 

DE TUDO, UM POUCO...

Que você tenha,
De tudo, um pouco.

Sensibilidade
Para não ficar indiferente diante das belezas da vida.

Coragem
Para colocar a timidez de lado e poder realizar o que tem vontade.

Solidariedade
Para não ficar neutro diante do sofrimento da humanidade.

Bondade
Para não desviar os olhos de quem te pede uma ajuda.

Tranqüilidade
Para quando chegar ao fim do dia, poder deitar e dormir o sono dos anjos.

Alegria
Para você distribuí-la, colocando um sorriso no rosto de alguém.

Humildade
Para você reconhecer aquilo que você não é.

Amor  Próprio
Para você perceber suas qualidades e gostar do que vê por dentro.

  Fé 
Para te guiar, te sustentar e te manter de pé.

Sinceridade
Para você ser verdadeiro, gostar de você mesmo e viver melhor.

Felicidade
Para você descobri-la dentro de você e doá-la a quem precisar.

Amizade
Para você descobrir que, quem tem um amigo, tem um tesouro.

Esperança
Para fazer você acreditar na vida e se sentir uma eterna criança.

Sabedoria
Para entender que só o Bem existe, o resto é ilusão.

Desejos
Para alimentar o seu corpo, dando prazer ao seu espírito.

Sonhos
Para poder, todos os dias, alimentar a sua alma.

Amor
Para você ter alguém para amar e sentir-se amado.
Para você desejar tocar uma estrela, sorrir pra lua.
Sentir que a vida é bela, andando pela rua.
Para você descobrir que existe um sol dentro de você.
Para você se sentir feliz a cada amanhecer
e saber que o Amor é a razão maior... para viver.

Mas se você não tiver um amor,
que nunca deixe morrer em você,
a procura... o desejo de o encontrar.
Tenha de tudo, um pouco... e Seja feliz!

(Autoria: Lisiê Silva)
http://cliente.argo.com.br/~lisiesilva

 
 

 
 

 
 


 

sinto-me: Pronta a dar

TS às 09:00
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 2 de Dezembro de 2006

...

 

 

 

 

 

 

 

Mulher!

Em todo amor, menosprezada e vilipendiada,

Não tem sequer outra mulher pra defendê-la.

Se muito ama

É apedrejada.

 

Que mundo é este?

Que homem é este o qual procura

Em armadilhas mil fazer cair

Toda mulher

E tendo conseguido o seu intento

Logo inventa

Mil maneiras

De fazer crescer um pantanal

Onde, animal saciado,

Feliz enterra tudo.

Mulher...

Não sei qual o melhor caminho

Que você deve trilhar pra defender-se.

Mas o estudo

É quase tudo.

 

Que mundo é este?

Que homem é este sempre a dizer

Palavras tão bonitas para amar

Toda mulher

E tendo conseguido o seu intento

Só alimenta

Desejo imenso

De se ver livre

Para, animal indômito,

Fazer sonhar nova mulher.

 

Mulher?

Torne-se forte, seja segura,

Aprenda a ter vontades

Que a luta – a luta é dura!

E o amor... lembre-se bem,

O amor é mal sem cura

Mas a mulher que estuda, luta e analisa

 

M U L H E R Célia Lamounier  (livro Sirgas e Organsins - 1986)Quase sempre chega a ser: MULHER!

crisgamboa às 07:00
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 28 de Novembro de 2006

Não me pergunte....

 

 
Não me pergunte por onde andei...
Com quem estive, não queira saber.
Apenas sei que o tempo enganei...
Por longas horas vaguei... Por lugares sem conhecer.
 
Não me pergunte sobre o que pensei...
Nem o que encontrei e vi.
Diante das paisagens da natureza notei...
Quanto na vida... Parada perdi.
 
Não me pergunte porque eu voltei...
Senti que era tarde... O tempo não volta.
Só restava retornar o que deixei.
 
São dois pesos... Duas medidas...
A balança pendia para um lado...
E retornei... Sem outra saída.
 
 
 
MARILENE MEES PRETTI

crisgamboa às 07:01
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 27 de Novembro de 2006

Põr do Sol

 




 


Autora:  Lena Casas Novas

 

 

 

 

No oeste do horizonte ele se vai

Imaginamos que ele tem forma de caracol

Vai dizendo até amanhã, até mais

Que maravilha é o pôr do sol!

 

Casal em clima romântico

A pescaria ao entardecer, isca no anzol

A serenata, a poesia, o cântico

Inspirados no pôr do sol!

 

Pela manhã, apaga-se o farol

Ele surge, trabalha o dia inteiro

No início da noite, começa o pôr do sol!

 

A flor que o vigia, é o girassol

Têm lugares que ninguém o vê

Não quero morrer, sem ver o pôr do sol!
 


 


.

.

. Boa noite

. Quando voce nao esta olha...

. Porque..

. O Sol

. Olhos Abertos

. Laço

. Que

. ...

. Não me pergunte....

. Põr do Sol

.

 

.

. todas as tags

Divulgue seu blog!
Informe o código: 210
Faça pontos, ganhe brindes

.

. participe neste blog

Hospedagem de Sites
Contador de visitas grátis
Estou no Blog.com.pt

.

Divulgue o seu blog!

.links

.subscrever feeds