Terça-feira, 6 de Março de 2007

Os meus sentimentos neste dias....

Passa o tempo, e começo abrir asas.
Olho a paisagem e sorrio,
Olho para os meus amigos e brinco.
Trabalhando vou me distraindo,
Quando saio de regresso a casa a ouvir musica,
Recordo me o que não devia recordar.
E a vontade de chorar volta,
Mas seria uma tonta nos olhos dos outros.
Lembro que tenho que ser forte.
Então volto a sorrir, nem que seja um sorriso triste.
Chego a casa e ao chegar a noite
Vejo que só me apetece chorar outras rir.
Que sentimentos estranhos percorrem meu coração.
Meu chão abriu se e eu cai,
Quando me vi no meio do poço sabia que não poderia ir mais fundo,
Por isso tentei e tento voltar e construir um chão novo, mais resistente.
Meus olhos ainda os sinto pesados,
Parecendo uma ilha rodeada do mar….
E cada vez que uma lágrima rola
Apanho – a com minha mão
E penso que com essa lágrima a menos,
É mais um alívio.
E assim passo estes dias num reboliço de sentimentos,
Numa luta constante.
Mas nessa luta, a cada minuto aprendo algo novo.
E com essa aprendizagem cada vez mais busco forças
Para poder passar a fase seguinte.
Subindo degrau a degrau,
Um de cada vez,
Saboreando o bom da vida,
E aprendendo com os obstáculos
Que se atravessam no caminho.
 
Será que vou conseguir?
Pelo menos tudo farei.
Nunca desistem de subir os degraus
Á que ir em frente,
Lutar ou pelo menos tentar.
Fico por aqui….
       Beijo sorridente da vossa amiga
                          Cris®

Domingo, 18 de Fevereiro de 2007

Porque.....????!!!!

    Porque sentimos mal quando acaba,porque não deixamos de pensar no assunto??!! O porquê da lágrima??!
    Os dias passam e mesmo que diga á outra pessoa para ser feliz,as recordações passam na minha cabeça e eu choro,em cada frase que relembro de ambos.Mas o que deveriamos fazer era ser feliz tambem.Lembrar os momentos lindos com muito carinho e sorrir.
    Deviamos seguir o concelho que damos á outra pessoa....É fácil dizer luta e sê feliz,mas tambem se não lutamos pela felicidade,nunca chegaremos a lado nenhum.
    Agora neste momento sei o que tenho de fazer,sei que não é de um dia para o outro que tudo se resolvera.Mas as lágrimas que choro nesses momentos,passará a sorrisos e aos poucos sei com a minha força e com a força dos meus amigos serei e ficarei melhor.
   Não sei se conseguem entender, o que escrevi, não sou muito boa nisso,simplesmente escrevi o que me passou pela cabeça.
    Mas ao acabarem de ler quero que saibam que agora sorri,desejei-vos felicidades e agradeci amigos por tudo e todo o carinho que me deram.Estarão sempre comigo no meu coraçao.
                          
                                                     Beijos sorridentes da vossa amiga para sempre
                                                                       Cris®

Segunda-feira, 12 de Fevereiro de 2007

Incertezas




Nada a declarar. Não estou bem, e as palavras fogem, mas a imagem...

Fica um poema de Álvaro de Campos

Chega através do dia de névoa alguma coisa do esquecimento,
Vem brandamente com a tarde a oportunidade da perda.
Adormeço sem dormir, ao relento da vida.
É inútil dizer-me que as acções têm consequências.
É inútil eu saber que as acções usam consequências.
É inútil tudo, é inútil tudo, é inútil tudo.
(...)

Álvaro de Campos

.

.

. Os meus sentimentos neste...

. Porque.....????!!!!

. Incertezas

.

 

.

. todas as tags

Divulgue seu blog!
Informe o código: 210
Faça pontos, ganhe brindes

.

. participe neste blog

Hospedagem de Sites
Contador de visitas grátis
Estou no Blog.com.pt

.

Divulgue o seu blog!

.links

.subscrever feeds